quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

A Villa - Nora Roberts

Sinopse

O talento de Nora Roberts melhora com a idade – tal como um bom vinho.

Sophia é a herdeira do negócio de vinhos da próspera família Giambelli. Sob ordens da sua avó, ela tem de aprender todas as etapas da produção de vinho. O seu tutor, Tyler MacMillan, é um jovem atraente com uma grande paixão pelas vinhas, mas apenas desprezo pelo mundo de negócios. À partida, esta promete ser uma parceria difícil, mas quando a reputação dos vinhos Giambelli começa a ser misteriosamente atacada, a difícil relação transforma-se num inesperado romance. Infelizmente alguém ambiciona destruir mais do que o negócio de vinhos. Mas só quando o pai de Sophia é morto e os membros da família se tornam suspeitos, é que a verdadeira dimensão da ameaça é revelada. Será que a própria família Giambelli está em risco? E o que pode um frágil amor perante tamanha teia de manipulação?

Críticas da imprensa

"Uma heroína que irá encantar os leitores."
Usa Today

"O grande dom de Nora Roberts é a sua habilidade em arrebatar o leitor para a vida das suas personagens... vivemos, amamos, sofremos e triunfamos com elas!"
Rendezvous

"Nora Roberts é uma artista da palavra. Pinta a sua história e as suas personagens com vitalidade e realismo!"
Los Angeles Daily New

A minha opinião

Gostei! Antes de mais, nota-se que Nora Roberts pesquisou muito sobre vinhos e sobre todo o processo desde o cultivo e os cuidados a ter com as vinhas até aos tipos de vinhos, as suas cores e paladares.
A história tem mais complexidade do que a d'O Recife, que li anteriormente. Mais personagens e, por isso mesmo, um enredo que exigiu mais concentração.
Amor, mortes, intrigas e união da família são as palavras-chave desta saga familiar que, quando a mim, Nora Roberts soube urdir muito bem.
A autora sabe como agarrar o leitor, sem grandes e fastidiosas descrições e sim com acção e algum suspense. Sabemos quem são os bons e os maus desde o início e, pricipalmente, quem é o grande vilão. Mas, no fim, há uma surpresa: afinal alguém insuspeito fez algo que não posso revelar para não perderem o interesse pela história.
Um livro que vale a pena ler, mesmo para aqueles que são cépticos como eu era em relação às narrativas românticas da Nora.

4 comentários:

Manuel Cardoso disse...

Ora aqui está um tipo de literatura que me começa a atrair. às vezes faz falta um pouco de ar fresco no meio da poeira dos clássicos. :)

Sofia disse...

É verdade Manuel! E acredita que o tempo de leitura gasto com este livro não foi mesmo nada mal empregue!
Experimenta!

Em breve quero descobrir Danielle Steel também.

Jojo disse...

Olá!
Eu gosto de Nora Roberts. Não se alonga muito e como dizes consegue prender a atenção do leitor. Mas, gosto de a intercalar este tipo de literatura chamada "light" com outro género porque a seguir caio um pouco na monotonia e ler deixa de ser uma diversão.
Este parece ser um bom livro para retornar a Nora Roberts.

Bjinhos*

Sofia disse...

Jojo, depois de 2 livros da Nora de seguida, também tive necessidade de outro tipo de leituras.
Estou a deliciar-me com um livro pouco conhecido que conta a história de 2 gémeos durante a guerra. Uma história que nada tem de romance (pelo menos por enquanto) e que é muito dramática e dura.
É bom variar nas leituras, não só para conhecermos vários géneros, como também, como dizes, a leitura não deixar de ser uma diversão. Se estivessemos sempre a ler a mesma coisa seria uma monotonia!
Beijinhos

Related Posts with Thumbnails